Gestão de projetos, Sem categoria

5 qualidades fundamentais de um bom gerente de projetos

De acordo com o Guia de Profissões publicado pela consultoria Catho, o Gerente de Projetos é um dos profissionais mais assediados por recrutadores de empresas. Hoje, no Brasil, essa profissão vem assumindo uma grande importância nas empresas dos mais diversos portes e segmentos do mercado. Esse profissional é responsável por administrar estrategicamente os mais variados tipos de projetos, planejar sua execução, acompanhar o escopo estabelecido e monitorar o progresso das atividades. Sob sua responsabilidade está o cumprimento dos objetivos, os prazos das entregas e o controle de custos do orçamento.

Bom gerente de projetos

Contudo, para se destacar no mercado e aproveitar estas oportunidades, é preciso, como em toda profissão, ser um excelente profissional. Você sabe quais são as características de um bom gerente de projetos? Veja a seguir:

1 – Experiência

Como começar a falar de um bom gerente de projetos sem citar o background? É óbvio que um excelente gerente de projetos tem muito chão percorrido em projetos variados. Afinal, a prática o torna mais seguro e eficiente. No entanto, isso não significa que ele não esteja sempre disposto a aprender, a conhecer novas ferramentas, novos métodos e novas maneiras de gerenciar.

2 – Liderança carismática

Mais do que utilizar o poder que lhe é concedido para administrar um projeto, um bom gerente consegue fazer de sua equipe um verdadeiro time de parceiros que lutam em prol de um único objetivo: construir e entregar resultados. Por isso, busca sempre aprimorar suas habilidades para mediar e ajudar a solucionar conflitos, derrubar crenças limitadoras e estimular a motivação. Ele sabe que para darem o que há de melhor em si, os profissionais precisam estar emocionalmente envolvidos com o projeto, precisam se engajar e acreditar no que estão produzindo. Por isso, conduzir e colaborar são verbos que estão presentes no seu dia a dia. Um bom gerente de projetos não manda, e sim, delega e provê autonomia.

3 – Comunicação bilateral

Um bom gerente de projetos é aquele que já percebeu que não basta emitir informações e impor resoluções. Ele faz da comunicação com todas as partes envolvidas (equipe, fornecedores, cliente) uma via de mão dupla, um diálogo. Logo, feedback não é só mais uma palavra bonita; É um hábito cultivado diariamente. E mais: um bom gerente de projetos não tem receio de compartilhar informações com a equipe. Ao dividir os dados, concede autonomia para os componentes, o que se transforma em motivação.

4 – Gestão de prioridades

Tempo é dinheiro. Esta máxima se eleva a quinta potência quando se tem um prazo de entrega. Então, um bom gerente de projetos é um bom gestor de tempo. Ele está sempre se perguntando o que é prioridade e utiliza ferramentas que lhe ajude a controlar sua agenda, acompanhar o andamento da operação, avaliar e redesenhar as prioridades. Sua visão holística e panorâmica o ajuda a contemplar o todo sem perder os detalhes das partes. Estamos falando de um profissional que está constantemente lançando mão das melhores práticas e metodologias para otimizar tempo e melhorar a produtividade da sua equipe. Assim, correr contra o relógio nunca é um martírio para um bom gerente de projetos!

5 – Paixão pela profissão e pelo conhecimento

Ingrediente essencial, a paixão é o principal elemento que move um excelente gerente de projetos. Para ele, a gestão dos processos é um desafio excitante e fundamental para o sucesso. Os verdadeiramente grandes visualizam o gerenciamento de projetos como uma carreira e não apenas como um trabalho. Assim, sempre buscando a formação e a educação contínua e crescente. Você é um bom gerente de projetos? Quer conversar mais sobre isso? Deixe-nos seu comentário!